Esta Arte Marcial tem por característica resgatar toda Tradição Marcial dos primórdios da civilização japonesa, quando o homem vivia perfeitamente integrado consigo mesmo e com o Universo. Neste conceito, através do treinamento captamos a energia do Grande Universo e depois passamos a utilizá-la, tendo o centro do corpo como área de difusão. Através da consciência do fluxo de energia tudo é possível e podemos esquecer o uso da força física. Com a meditação, esvaziamos a mente e com a prática do Shin’ei Taido também.

Com a mente e o interior pacificados, não há medo, nem raiva, nem angústia nem pânico; saímos das emoções e dos pensamentos. Se considerarmos isto como objetos do aprisionamento humano, entramos na dimensão da Consciencia, aonde nos conduz o Shin’ei Taido. Tanto homens, mulheres, pessoas de todas as idades podem se integrar nesta prática saudável.

Seguidores

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

A Técnica de Okuyama Sensei – Parte 2

































Já Kase Sensei, em uma palestra em 2000, em Andorra, contou que para exemplificar como era Tadao Okuyama, se referiu a um encontro de 5 Universidades para um exame de Dan. Após Kata, Kihon e Kihon-kumite, os aspirantes eram classificados pelos mais graduados. Após isto, havia kumite entre os aspirantes. No final, poderia haver um kumite entre um sênior com aspirantes.

Conta Kase Sensei: "E é aí que Okuyama Sensei apareceu e eu tenho uma lembrança incrível, porque ele atacou com maior velocidade e força que os outros, os aspirantes do exame não conseguiam nem reagir, não havia nenhuma maneira de se defender do Sensei Okuyama; quando queríamos reagir, já o tinhamos em cima de nós, com o punho na nossa face. E todo mundo ficou impressionado com o nível impressionante.”

Sobre a origem desta técnica, ambos Senseis nos relatam fatos que nos levam a Yoshitaka (Gigo) Funakoshi e a Seita Omotoo Kyo ((e a Inoue Sensei).

Harada Sensei conta que Yoshitaka Sensei praticava com o Bo e o Ken, ninguém sabia a que nível chegou, nem mesmo os seniors Egami e Okuyama (mesmo este sendo seu discípulo predileto). Higaonna Sensei, do estilo Goju ryu de Okinawa, ensinava que, trabalhando com Bo ou um sabre de madeira, a maneira como se utiliza os músculos do corpo é totalmente diferente quando só se trabalha só com as mãos. “O karate de Yoshitaka era muito dinâmico, elástico, com origem no seu estudo do Bo.Tinha estado em Okinawa por várias vezes para aprender o Karate e o Bo.” – nos conta Harada Sensei, que continua explicando, que após os treinos da manhã, Okuyama Sensei passava as tardes treinando com Yoshitaka Sensei.

Kase Sensei, em uma entrevista a um periódico belga, considerava Tadao Okuyama o que tinha alcançado a técnica “mais elevada”, daquela geração de discípulos de Waka Sensei. Atribui a esta técnica de Okuyama Sensei, quando foi para as montanhas meditar e depois ficar na Seita Omotoo Kyo, por anos. Foi dito que Tadao se tornou guarda-costas dos Deguchi, devido a sua técnica, e a o mesmo tempo exigia um treinamento constante (provavelmente com Inoue Sensei). Que nos anos cinqüenta, durante os treinos, durante os treinos, Tadao Okuyama sempre pedia aos mais novos precisão (intenção) e velocidade.

Harada Sensei nos conta que Okuyama praticava todos os dias, mas achava difícil entender sua ténica. Tadao Sensei não mostrava muito mais do eles já sabiam, porém insistia constantemente na constantemente na "sensação":

o tipo de sensação, cada vez que ensinava algo, enfatizava a importância desta sensação. O jovem Harada descreve que era difícil, para ele na época compreender esta correlação, da sensação no momento presente. Que Okuyama Sensei dizia para eles, que a técnica devia sempre aprimorar.

Nos últimos anos de sua vida, Okuyama Sensei dizia lecionar Budo, sempre ligado a Omotoo Kyo, como Inoue Sensei. Uma vez por ano, ia treinar com Kawanabe Shihan, no Dojo de Hon-Atsugi; presenteou Kawanabe Shihan com um Ken que ele mesmo fez e usou até os últimos dias. Tadao Okuyama faleceu em 2002, na cidade de Kyoto.

Boa Semana.

Oss.

Texto baseado em entrevistas de Kawanabe Shihan, Kase Sensei e Harada Sensei.


Para Ler a Parte 1 - Clique Aqui

2 comentários:

  1. Buenos días Ricardo,
    También muy interesante esta segunda parte sobre la técnica del Sensei Okuyama,
    muchas gracias por compratirla
    un abrazo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Buenas Tardes, Carina,
      Si, es verdad, una história muy interesante de esto Maestro Okuyama, llena de enseñanzas.
      Gracias por tu comentário.
      Abrazo.

      Excluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails