Esta Arte Marcial tem por característica resgatar toda Tradição Marcial dos primórdios da civilização japonesa, quando o homem vivia perfeitamente integrado consigo mesmo e com o Universo. Neste conceito, através do treinamento captamos a energia do Grande Universo e depois passamos a utilizá-la, tendo o centro do corpo como área de difusão. Através da consciência do fluxo de energia tudo é possível e podemos esquecer o uso da força física. Com a meditação, esvaziamos a mente e com a prática do Shin’ei Taido também.

Com a mente e o interior pacificados, não há medo, nem raiva, nem angústia nem pânico; saímos das emoções e dos pensamentos. Se considerarmos isto como objetos do aprisionamento humano, entramos na dimensão da Consciencia, aonde nos conduz o Shin’ei Taido. Tanto homens, mulheres, pessoas de todas as idades podem se integrar nesta prática saudável.

Seguidores

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Saicho ou Dengyo Daishi

































Falaremos sobre um religioso contemporâneo de Kukai, monge Saicho. 

Nascido em 15 de setembro de 767, na província de Omi no Kuni(atual prefeitura de Shiga), no Clã Mitsu. 

Existem relatos de que aos 12 anos, tornou-se discípulo do monge Gyohyo, tendo sido iniciado nos estudos do Zen, da Escola Ch'an, Kegon do Norte e Hosso. Seu mestre tinha sido discípulo do Grande Tao-hsiian. É ordenado por volta dos 18 anos, no templo Todai-ji, em Nara. 

Aos 19 anos, parte para o monte Hiei, próximo a Kioto; ficou estudando e meditando por uma década naquele local. É neste local que lê sobre a meditação da linha Tendai (Tient’ai, proveniente da China). O monge Ganjin (Chien-Chen), tinha trazido esta linha para o Japão, anteriormente, porem os monges japoneses não tinham se interessado.

Passa cerca de um ano na China, aproveitando a missão diplomática japonesa do ano de 804, na qual estava Kukai. Saicho foi procurar documentos Tient’ai para trazer ao Japão. Nesta estada na China, encontra e estuda com monges que conheciam o Mikkyo (Ensinamentos Secretos), sendo iniciado nesta linha. Estuda os Sutras (em especial o do Lotus) e o Ichinen Sanzen ( O Estado Transitório da Existência). Estudou as trtadições tântricas, também.

Em 806 é fundada, no Japão Tendai Hokke Shu (Escola Tendai do Lotus) situado em seu monastério Enryaku-ju erigido no alto do Monte Hiei . Este monastério se situa a nordeste da capital Heian, para “protegê-la” desta “direção demoníaca”, para evitar calamidades e assédio de espíritos.

Em oposição as escolas de Nara, Saicho escreve o tratado Kenkairon,onde demonstra a validade das regras do Grande Veículo ( Mahayana). Após Saicho, o Budismo japonês se abriu para varias escolas e tradições, não apenas o Hinayana.Faleceu em 26 de junho de 822, posteriormente sendo designado Dengyo Daishi.

Boa reflexão.

Oss.

Baseados em artigos sobre Saicho e Budismo Tendai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails